Blog

Psicoterapia

Angustia Pedro Martins Psicoterapeuta - Psicoterapia

Angústia

A angústia sinal é um pressentimento que avisa o sujeito, abrindo-lhe a possibilidade de executar medidas preventivas e treinar estratégias de defesa.

É um alarme conduzindo a um alerta.

Este medo antecipado tem, pois, um importante significado biológico, permitindo uma adequada adaptação e um maior sucesso na luta pela existência e melhor qualidade de vida.

É mesmo um fenómeno psíquico essencial à manutenção do ser e ao desenvolvimento das suas capacidades.

Angústia traumática – medo provocado por acontecimento imprevisto.

Angústia automática ou de repetição – desencadeada pela revivência de um trauma psíquico anterior.

Angústia sinal – expectativa de um perigo, informando o indivíduo da sua proximidade, iminência ou probabilidade.

A angústia traumática, automática e sinal não têm grandes diferenças entre elas, pois são todas uma resposta a um sinal de perigo, seja ele imediato, relembrado ou pressentido.

Por isso, quando hoje falamos de angústia é na acepção de angústia como sinal.

Trata-se sempre da reacção a um desastre que pode acontecer ou podia ter acontecido.

A reacção ao desastre que já aconteceu é a tristeza.

Comments for this post are closed.
O desejo de agradar quando conhecemos alguém - Pedro Martins Psicólogo Clínico Psicoterapeuta

O desejo de agradar

Quando conhecemos alguém por quem nos sentimos atraídos temos o forte desejo de agradar. E, com naturalidade, assumimos …

Déjà Vu - Pedro Martins Psicólogo Clínico Psicoterapeuta

Déjà Vu

Já vos sucedeu terem um “déjà vu”? É aquela sensação obscura duma situação já conhecida. Estamos num …

Do Domínio ao Abuso Narcisista Pedro Martins Psicólogo Clínico Psicoterapeuta

Do Domínio ao Abuso Narcisista

Mães-Filhas – Do Domínio ao Abuso Narcisista Toda a mulher que alcança a condição de mãe vê-se confrontada com …